Dicas de Florença – primeiro post!

firenze

Olá gente!

Imagine o que é chegar numa das cidades que você mais estudou e sonhou em conhecer?!

Pois bem, em nossa viagem à Itália no fim do ano passado, deixamos Verona numa tarde a caminho de Florença ou Firenze. 

Eu tinha milhões de expectativas e sentia que seria uma cidade que me deixaria enlouquecida! Pois bem,  além da ansiedade pelo lado bom, eu também sentia muitos medos, do tipo pegar um péssimo hotel! Praticamente todas minhas amigas que estiveram em Florença detestaram os hotéis, o que tirou muito o brilho da viagem! Outras criticaram o excesso absurdo de turistas perambulando por todos os lados e , ainda, outras coisas que não precisam ser citadas…

Enfim, chegamos na estação de trem e após 20 minutos no meio daquele trânsito maluco, a la Roma, chegamos no hotel, chamado Hotel Laurus al Duomo, que eu super recomendo e farei post em breve, ok?!

Superado o primeiro medo, resolvemos perambular pela cidade e jantar, visto que já era noite.

Ao sair do hotel demos de cara com o Duomo de Firenze e senti um frio na espinha ao ver aquela construção tão imensamente perfeita. A sensação foi inexplicável! Parece que é impossível “o homem” ter feito aquilo, de tão magnífico.

A partir dali começamos a caminhar e “nos perder” pela cidade (amo fazer isso) e as surpresas eram mágicas.

Bem, para mostrar um pouquinho do que há em Florença, precisarei de muitos posts. Hoje, será uma pequena amostra da primeira noite que foi longa! Realmente Firenze é uma cidade que eu voltarei muitas vezes na minha vida, disso eu tenho certeza.

Saindo do hotel, com um mapa na mão, caminhamos até a Ponte Vecchio. A ponte foi construída com o objetivo de incorporar o comércio de carnes e peixes na região e o misto de ponte com construções tão singulares acabou virando referência de arquitetura na cidade.

A ponte está construída sob o Rio Arno há mais de 650 anos, passando por muita história desde a Idade Média. Atualmente dizem que a Ponte Vecchio e o Dumo são os principais símbolos de Firenze, mas eu discordo, acho que tem muitos outros símbolos com o mesmo valor na cidade.

Atualmente, o comércio que localiza-se na ponte está bem diferente do originário de carnes e peixes! Hoje as lojas variam de lojas de ouro sofisticadas e outras de de tudo quanto é coisa, inclusive algumas com produtos de gosto duvidoso. Mas o que vale é o clima, que nos faz viajar no tempo.

Ponte Vecchio nas minhas lentes durante a noite:

ponte vecchio firenzeÉ lindo ver a ponte refletida no Rio Arno.

Continuamos passeando em direção à Piazza della Signoria. Eu estava ansiosa para ver as réplicas renascentistas que sempre me disseram ser extremamente fiel às reais, combinadas com peças originais. O clássico Davi, de Michelangelo, Il Marzocco, de Donatello, entro outros:

piazza della signoria florence dicasAs estátuas, sejam as originais ou as réplicas são de encher a vista. Daquelas obras que podemos passar horas observando. Esta é a Fontana de Netuno. 

A réplica do David é uma coisa sensacional. Desperta mais ainda a vontade de vê-lo pessoalmente:

david em florençaDavid de um lado e Hércules e Caco, escultura de Baccio Bandinelli situadas na frente do Palazzo Vecchio.

Obras incríveis por todos os lados. Em Firenze respiramos arte! A mistura das obras renascentistas com as barrocas formam um contexto único no mundo:

piazza della signoria florenceDe Benvenuto Cellini Perseus com a cabeça de Medusa. Maneirismo e riqueza de detalhes.

Outro local importantíssimo na cidade, que merece uma visita longa e guiada é o Palazzo Vecchio, que tem uma história sensacional e que também será objeto de post. E tem que subir na torre! Uma das vistas mais lindas do mundo:

o que fazer em firenze florença

Loggia dei Lanzi: é uma construção ao lado do Galeria Uffizi e praticamente em frente ao Palazzo Vecchio na Piazza della Signoria. Loggia dei Lanzi é uma construção constituída por arcos que abrigam muita arte. Falam que Michelangelo dizia que toda a Piazza della Signoria devia ter ser cercada por estes arcos.

A Loggia dei Lanzi foi construída em 1376, para abrigar as assembléias do povo realizar cerimônias públicas.

É muito interessante ver como a construção de Loggia contrasta com a arquitetura rústica do Palazzo Vecchio. A Loggia é realmente uma galeria de escultura ao ar livre, composta por 13 esculturas que podem ser contempladas o tempo todo, gratuitamente e ao ar livre:

dica de viagem florença

As esculturas presentes na Loggia dei Lanzi são magnificas:

piazza della signoria florença dicas de viagem“Hércules e o Centauro”, de Giambologna,  completa as obras magnificas ali expostas. 

E para deixar este momento ainda mais inspirador, resolvemos sentar num dos lugares mais charmosos de Firenze, o Caffe Rivoire, para curtir um vinho rosé magnifico:

piazza della signoria

Depois de muita arte e vinho, deixamos a Piazza para ter um belo jantar italiano e ao deixar a Piazza, nos deparamos com músicos tocando no corredor que leva à Galeria Uffizi. Foi muito especial:

dica de firenze
Com a dica de um amigo, o José Vitor, chegamos à Trattoria Ponte Vecchio, restaurante que recomendo em Firenze:

dica de restaurante em florença

Vino Rosso e pasta:

dica de viagem FirenzeNão poderia faltar a Caprese!

Uma das melhores massas que comi na Itália foi neste restaurante:

dica de restaurante para comer trufa em florençaPasta recheada com pêra e tartufo, de encher a boca de água. 

O clima italiano:dica de restaurante em firenzeE assim foi o começo da minha primeira noite em Firenze, muito especial!

Agora alguns lugares “tem que ir” em Florença (muitos eu mostrarei com detalhes nos próximos posts!):

1. Duomo (Catedral de Florença) e seu Batistério;
2. Galleria Dell’Accademia (vale a visita guiada, afinal a Galleria vai muito além de David!);
3. Galleria Degli Uffizi (visita guiada com certeza!);
4. Piazza della Signoria;
5. Ponte Vecchio;
6. Palazzo Vecchio;
7. Palazzo Pitti;
8. Santa Maria Novella;
9. Basilica de San Lorenzo e Cappelle Medice;
10. Santa Croce;
11. Piazzale Michelangelo. 

E então, gostou? Em breve muito mais de Florença aqui!

bj bj

Rê Nunes

Mais posts sobre este assunto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *