O que fazer na Africa do Sul? Roteiro de 10 Dias

Olá gente!

África do Sul é um dos países mais sensacionais que já visitei. Entretanto, visitar a África do Sul requer organização e foco, pois são muitas opções de atividades, muitos lugares incríveis e diferentes para conhecer, o que pode deixar sua viagem confusa.

Assim, para facilitar a vida de quem está montando o roteiro para a Africa do Sul, listarei tudo o que fizemos, com destaque ao que amamos; tudo o que não fizemos e os motivos; e, o que não recomendamos fazer!

Dia 1. Cape Town:

Waterfront: chegamos em Cape Town e já fomos conhecer o Waterfront, que estava super movimentado! Ótima maneira de começar a conhecer Cape Town.

– Restaurante Harbour House: localizado no Waterfront. O Harbour House é um estaurante bem gostoso, área aberta, com vista privilegiada e opções de peixes frescos e crus deliciosos! Opte por sentar no andar superior.

– Bascule Bar no Hotel Cape Grace: bar para tomar um drink e ver o por do sol. Caso você não esteja hospedado no hotel, entre para visitá-lo, pois é maravilhoso! (Os preços aqui são mais salgados, mas vale a visita).

– Jantar no Kloof Street House: restaurante/bar delicioso! A noite em Cape Town é agitada e o Kloof é um excelente lugar para a primeira noite! Recomendo reservar com antecedência.

Dia 2 – manhã em Cape Town: 

– Table Mountain: fizemos um Hiking incrível e caso você curta esporte: faça! Tem post contando detalhes, clique aqui.
Existem várias opções para subir a Table Mountain e até mesmo um Cable Car – ah, compre antecipadamente, a fila é bem grande.
Quando no alto da montanha aproveite a vista, o ambiente…
Nós subimos andando e descemos de Cable Car, neste caso é possível comprar o ticket no topo, dentro da área de internet sem filas.
Sobre subir de Cable Car e descer caminhando, aviso que a descida não é fácil, esteja preparada (o).

Dia 2 – tarde e noite em Franschhoek:

– viagem para Franschhoek: Franschoek é uma cidadezinha na região das vinícolas da Àfrica do Sul. Detalhes da viagem em post específico, clique aqui!

Hotel Boutique Angala em Franschkoec: a região das vinícolas é maravilhosa e vale muito o passeio! Caso não tenha transfer incluso em seu pacote,  use Uber, o preço é ótimo. O tempo de viagem é de 40 minutos, saindo de Cape Town.

– Delaire Graff: vinícola sensacional em Stellenbosch. Opção muito sofisticada para almoço ou jantar com ticket médio alto! Reserve com antecedência.

Dia 3 – manhã em Franschhoek:

– Hotel Angala: super café-da-manhã, piscina e spa.

– Almoço com Degustação de Vinhos (Wine Tour): optamos pelo pacote com 3 Vinícolas diferentes e motorista/guia em inglês. Sugestão: pergunte sobre as vinícolas que serão visitadas. Nós optamos por 2 menores, mais boutique e 1 maior.
Sobre uma das Vinícolas que amei, clique aqui!

Dia 3 – tarde e noite (Réveillon) Cape Town:

– Truth Café em Cape Town: retornamos no meio da tarde à Cape Town para a noite de Réveillon.  Assim que chegamos na cidade fomos até o Truth Café, que é considerado um dos cafés mais lindos do mundo. É muito diferente e precisa ser visitado. Clique aqui para acessar o post!  

– The Bungallow na noite de Reveillon: nossa escolha para a virada foi o Bungallow. A festa é ótima, comida boa e vinho de excelente qualidade. A festa é um jantar e depois balada. Existem várias opções de convites, nós optamos pelo jantar numa área reservada e foi bem legal. Reserve e pague com antecedência.
Para quem estiver em Cape Town em qualquer outra época do ano vá curtir o pôr-do-sol no Bungallow.

Dia 4 – Tour até o Cabo da Boa Esperança:

– Tour até o Cabo da Boa Esperança + Praia Pinguin (Boulder s Beach): Deixamos o primeiro dia do ano para fazer o Tour até o Cabo da Boa Esperança e a Praia de Pinguin. Fechamos o pacote no hotel e o motorista nos acompanhou o dia todo. Reserve um dia todo para isso. Saímos as 11:00 do hotel e retornamos as 17:00. Ah, leve lanchinhos e água!
Post sobre a Praia de Pinguins aqui.
Post sobre os Babuínos que encontramos no caminho aqui.

– “Almojantar” no Balducci do Waterfront: chegamos mortos de fome e fomos direto para o Waterfront, um dos únicos lugares com opção para comer depois das 17:00. Optamos por um restaurante italiano delicioso, chamado Balducci.

Dia 5 – Cape Town:

– Old Biscuit Mill: O Old Biscuit Mill é uma fábrica desativada com lojinhas tops! Tente reservar o The Test restaurante.
Clique aqui para post completo sobre o The Old Biscuit Mill e Neighborgood Market. 

– Bokaap: Bairro lindo de casas coloridas. Tivemos sorte de visita-lo no dia do “carnaval” em Cape Town, dia 02 de janeiro,  clique aqui para ver o post completo. 

– Bree Street: Passear pela rua e seu entorno. Comércio super interessante.

– Camps Bay: praia em Cape Town. Fomos para Camps Bay umas 16:00, horário perfeito para curtir os bares até o pôr-do-sol. O primeiro bar escolhido foi o Caprici, bem agitado e com música. Saímos de lá e fomos para o Paranga, mas estava cheio demais. Acabamos ficando no Sunset, delicioso. Camps Bay é legal para curtir os bares e restaurantes – eu não sou muito de praia e a de Camps Bay não me atraiu…

– Aubergine Restaurant: Restaurante em Cape Town sensacional e super sofisticado. Reservamos com antecendência, recomendo.

Dia 6 –  Kruger:

Viagem para o Kruger: Saímos de Cape Town, voamos para Johanesburgo e num avião pequeno fomos até o Kruger. *Importante: mala de 23 kg no máximo neste vôo.

Hotel Shiduli: nosso hotel no Kruger. Caso feche o pacote com agência, confira se o transfer está incluso. Caso feche direto com o hotel, solicite este transfer pois não há opção de taxi nem aluguel de carro no aeroporto. O aeroporto é pititico e super exótico! Chegando no Hotel serviram um almoço super bacana e logo saímos para o Safari.

– Safari 1: Cada Safari merece um post, foram todos surreais…!

Dia 7 – Kruger:

Safari 2 – matinal: com café da manhã na Savana;

– Almoço no Shiduli: quando no hotel no Kruger, não existe a possibilidade de sair. Todas as refeições serão feitas lá dentro!

– Safari 3 – fim de tarde e pôr-do-sol: Safari maravilhoso com pic-nic e vinho na savana.

Jantar no restaurante do hotel.

Dia 8 – Kruger e Johanesburgo (declinamos para Sun City!):

– Safari 4 – matinal: com café da manhã na Savana.

 Viagem para Johanes às 13:00: o vôo é rápido, cerca de 1 hora.

– Desistimos do Sun City: a idéia inicial era chegar no aeroporto de Johanesburgo, pegar o carro alugado e seguir rumo à Sun City, para nos hospedarmos no hotel The Palace – aquele 6 estrelas. Ocorre que chegamos muito cansados e com muita preguiça de dirigir até Sun City. Levamos em consideração que encontramos amigos que haviam acabado de voltar de lá e haviam detestado, por isso declinamos para Sun City. Até hoje não tenho certeza se deveríamos ou não ter ído…

– Johanesburgo: decidimos ficar em Johanesburgo e quando chegamos no bairro do hotel percebemos que fizemos uma excelente opção!

– Protea Hotel Fire & Ice Melrose Arch Marriott: hotel incrível que nos hospedamos no  Bairro Melrose Arch em Johanesburgo. O bairro é sensacional e super seguro, foi uma escolha excelente. Muitas opções de restaurantes e comércio na vizinhança.

– The Butcher Johanesburgo: Restaurante de Carne delicioso. Fica dentro do Mandela Square. Não sou muito de shopping, mas o restaurante é bem legal, mesmo sendo gigante e até fora do que estamos acostumados. Tem um Hard Rock na frente, terminamos a noite tomando uns drinks por lá.

Dia 9 – Johanesburgo:

– Passeio pelo Melrose Arch: lojas bem bacanas, galerias de arte e restaurantes incríveis!

– Clicks: é uma farmácia a la Duane Reade ou Walgreens! Existe por todos os lados na África do Sul e merece ser visitada. Vários produtos incríveis e suplementos com preço show.

– Jamie’s Italian de Jamie Oliver: almoçamos por lá, sem filas e com preço super justo.

– Jantar no Moyo: um dos restaurantes Africanos mais legais de Johanesburgo. Fica em Melrose Arch, pertinho do hotel que estávamos. O bairro é seguro e fomos caminhando!

Dia 10 – Tentativa de Passeio de Balão – FAÇA!

– Passeio de Balão Cancelado: quando decidimos não ir para Sun City fui pesquisar o que fazer em Johanesburgo e encontrei o safari de balão. Ficamos super animados, mas, em decorrência do mal tempo, cancelaram. Choveu muito neste dia.

– Neighborgoods Market – “feirinha” de comidas, roupas e artigos descolados que acontece apenas aos sábados, num galpão. A feira só vai até as 15:00. O evento é sensacional e cheio de gente e designers interessantes. DJ, roupas maravilhosas, bijoux, Bar e muitas opções de comidas!
Clique aqui para ver o post completo sobre o Neighborgoods Market.  

Dia 11 – Retorno de Johanesburgo para São Paulo:

– Vôo direto de volta!

Foi simplesmente sensacional! A África do Sul superou nossas expectativas.

O que estava em minha lista, mas não fizemos:

1. Cape Town:
– Museu do Distrito 6
– Jardim Botanico de Kirstenbosch
– Ilha de Robben
– Restaurante Caveau
– Restaurante La Colombe
– Restaurante Dias Tavern
– Restaurante The Test

2. Sun City:
– Hotel The Palace

3. Johanesburgo:
– Passeio de Balão próximo a Johanes.

Enfim, é isso! O post ficou longo, mas para quem estiver procurando um Roteiro da África do Sul, acredito que ajudará!

Para fotos, acesse os outros posts sobre a África do Sul ou clique aqui, aqui, aqui e aqui!

bj bj bj e ótima semana.

Rê Nunes

Vlog com Dicas do Safari no Kruger Park – África do Sul

Fazer um Safari no Kruger Park é simplesmente incrível!

Tenho tantas coisas para contar, dicas para dar, detalhes do que vivemos, que precisarei de muitos posts para conseguir registrar tudo…, mas, desta vez escreverei menos e mostrarei mais e através de vídeo!

De algumas viagens para cá, nós temos tentado lembrar de filmar, mas vou dizer que muitas vezes acaba passando batido! A minha paixão real é a fotografia, o que sempre acaba sendo a prioridade.

Entretanto, juntando alguns trechos que filmamos, conseguimos construir um episódio sobre o Safari na África do Sul! Clique para conferir e, claro, curta e siga-me no youtube:

E então, gostou do vídeo? Tem vontade de fazer um Safari na África do Sul?

Caso queira mais dicas, comente aqui ou me envie um e-mail no renunes01@gmail.com.

bj bj bj

Rê Nunes